OPERAÇÃO ÉDEN

OPERAÇÃO ÉDEN

Bom Jardim – Maranhão

Loura, bonita, 25 anos, Prefeita; a Lili está foragida desde a semana passada.

Ela é suspeita de desviar milhões em verbas dos públicos de um pequeno município do interior.

Com sobrenome de Leite, vendia leite na porta da casa da mãe para sobreviver na pequena cidade de Bom Jardim, no Maranhão.

Estudou apenas até completar o ensino fundamental. Valia-se da simpatia e da boa aparência para atrair a freguesia e acabou chamando a atenção de Humberto Dantas dos Santos, o Beto Rocha, fazendeiro de Lagarto (SE), com quem iniciou o namoro que mudaria sua vida para sempre.
Com patrimônio em torno de R$ 14 milhões, incluindo fazendas, caminhonetes de luxo e apartamentos em São Luís, o fazendeiro Beto não mediu esforços até agradar aquela jovem linda.

Ele já estava sendo investigado pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) denunciado à Justiça por prática de “captação ilícita de sufrágio” (compra de voto).

Beto então renunciou e lançou a candidatura da namorada acabou elegendo-a com 50,2% dos votos válidos (9.575) frente ao principal adversário. Beto então assumiu a Secretaria Municipal de Assuntos Políticos.

No entanto acabou preso na “Operação Éden”, por problemas nas licitações do Município.

A rotina da jovem:  viagens, festas, roupas caras, veículos e passeios de luxo é incompatível com o salário de pouco mais de R$ 12 mil que Lidiane recebia como prefeita de Bom Jardim e passou a compartilhar por meio de fotos nas redes sociais.
E até respondeu para algumas colegas: –“Eu compro é que eu quiser. Gasto sim com o que eu quero. Tô nem aí pra o que achem. Beijinho no ombro pros recalcados”.
Em outro post, ela diz: —“Devia era comprar um carro mais luxuoso pq graças a Deus o dinheiro tá sobrando (sic)”.
E aquela cidadezinha do interior de Maranhão é considerada a segunda pior cidade para se viver no Vale do Pindaré, composto por outras 22 localidades.

Ela desviou muito dinheiro e provocou muitas fraudes: “contratos firmados com “empresas-fantasmas, nas licitatórias, transferências bancárias suspeitas e desvio de dinheiro da merenda escolar.”

Agora está sendo procurada pela Polícia Federal que montou um esquema de vigilância em rodovias, portos, aeroportos, rodoviárias e até em fazendas de amigos, onde ela poderia estar escondida, mas ainda não conseguiu encontrá-la.
Ela montou pistas falsas para enganar a Polícia e continua gastando o dinheiro retirado dos pobres daquele município.

Manoel Amaral

MEGA SENA DE SÃO JOÃO

MEGA-SENA DE SÃO JOÃO

“A vida é uma loteria gigante, da qual só se vêm os ganhadores.” Fran Lebowitz
Osvandir estava pensativo, triste e sem palavras, mais uma Mega-Sena de São João e nada.

Antes estudou vários números, fez combinações, consultou a numerologia, avaliou bolões, marcou alguns pontos e sonhou: desta vez vou ficar rico!

Mas o jogo só trás benefício para a caixa (Governo); vejam só este resultado: foram distribuídos em prêmios apenas R$ 40.781.877,95.        
Dizem que 54% da renda dessa loteria são destinadas “ao custeio de diversos programas sociais.”

Nunca vi prestação de contas da Caixa ou de nenhuma dessas entidades.

Em nosso país existe um rolo compressor direto para a corrupção, tudo encobre e tudo arrecada em favor de um grupo do poder.

Fazer bolão é besteira, vejam só o caso da maioria, um senhor fez uma única aposta, de R$2,50 e levou um prêmio de R$65.823.888,16.

É bom lembrar que o rateio é o maior que já houve até agora.


Caro leitor, não se iluda, vá trabalhar, sonhar com os milhões é até bom, mas a realidade é outra. Muito difícil ganhar, veja só o percentual: existem “50.063.860 (cinquenta milhões sessenta e três mil oitocentos e sessenta) modos diferentes de se escolher os seis números de 1 a 60, ou seja: 0,000002% de chances de acertar.”

Então, respire fundo, pegue a enxada, a caneta, a mochila, o computador ou qualquer outro instrumento de trabalho e comece a trabalhar. É mais fácil ficar rico com o seu trabalho do que ganhar na Mega-Sena ou qualquer outro jogo da Caixa!

Manoel Amaral

IMPUNIDADE, PROPINAS, FRAUDES

IMPUNIDADE, PROPINAS, FRAUDES, ROUBALHEIRA, ASSALTOS E ETC.
Estamos no Brasil
www.novotopico.com

Sugestões para ajuste fiscal deste ano e dos seguintes:
– Vender o AeroLula, optar por um modelo mais simples.
– Cortar Salários pela metade, dos Ministros, Presidentes, Governadores, Embaixadores, Senadores, Deputados e dirigentes de estatais.
– Continuar cortando “altos salários” seja lá de onde for.
– No futebol, altos dirigentes, fazer também algumas intervenções.
– Diminuir a equipe de governo e principalmente as viagens.
– Os acompanhantes do Governo Federal, em viagens ao exterior, podem ser cortados pela metade e ainda ficaria muito grande. Veja o exemplo de delegações de outros países.
– Diminuir o número de ministérios, Secretarias, de Deputados, Senadores, Vereadores e por aí.
– Dar menos dinheiro para outros países. Obras fora do Brasil, nem pensar.
– Não gastar mais nenhum tostão na transposição do Rio S. Francisco.
– Por fim a roubalheira na Petrobrás e em outras estatais.
– Acabar com tudo que só serve para desviar dinheiro público.
– Evitar ao máximo, desvio de bilhões em verbas, em todos setores.
No mesmo esquema, os Governadores e Prefeitos deverão acompanhá-la.
– Impedir saída dos minerais estratégicos do País e trabalhar para conseguir o enriquecimento do Urânio.
– Terminar as obras paralisadas, o mais rápido e gastando menos possível, moralizando o sistema.
– Acabar com a metade das ONGs dos Parlamentares, que são nada mais, na menos que um buraco sem fundo, não fazem nada.
– Não deixar o dinheiro público ir para o ralo.
– Colocar a PF na “cola” da Caixa Loterias, investigar os ganhadores de prêmios por mais de uma vez.
– Controlar os empréstimos do BNDS e nada a “Fundo Perdido”, não estamos mais no tempo de por dinheiro na mão de qualquer um, muito menos sem comprovação de gastos ou aplicação.
– Acabar de vez com essa “roubalheira generalizada e impune”.
– Diminuir os impostos para melhorar a arrecadação. É bom que se diga: “Nunca houve neste país uma equipe de governo que arrecadasse tanto.” Quase dois trilhões de reais. (www.impostometro.com.br) E gastasse ainda mais.
– E os crimes, assaltos cinematográficos e tantas balas perdidas? Solucionar isso de vez. Como? Não sei. Talvez criando novas equipes de investigação. Visitem EUA ou outro País.
– Parar de falar que Pré-Sal é “salvação da lavoura”. Isso não leva a nada.
– Mandar estes marqueteiros de última geração, para aquele lugar…
– Gastar menos na propaganda de Governo.
– Pegar os corruptos e corruptores e soltar em alto mar onde existir
 muitos tubarões.
– Autorizar só obras que vá realmente beneficiar a população.
– Empreiteiras no cabresto, isto é: nada de superfaturamento propina e roubalheira. E se uma obra afundar, cair ou explodir; ninguém receberá nada em pagamento, mais que justo.
– Deixar de mentir para os eleitores, isso ajudaria muito.
Se não der resultado é melhor pedir o boné do SMT e sair da cadeira.
“Só assim deixaremos de ser piada no exterior”

De um brasileiro indignado