ÁGUA DE COCÔ

ÁGUA DE COCÔ

Durante a semana passada o assunto em pauta era a Crise da Água, mas antes uma notícia interessante era a de que um dos maiores gênios da informática, Bill Gates, aparecia num vídeo bebendo um copo d’água. Até aí nada de mais, só que ele informou que a água era reciclada de esgoto, água de cocô.

Ouve-se um oooooh!
— Água de cocô? Como pode ser uma coisa dessas?
– Eu não beberia, que coisa nojenta.

Aí fui lembrar que na década de 70, no Povoado da Prata de Cima, em São Gonçalo do Pará/MG, houve uma coisa semelhante, com ajuda do Banco Mundial, fez-se um tratamento dos esgotos nas ETEs e a água saía limpinha lá embaixo.

Consumo da água: Cada copo de 250 ml de cerveja gasta 75 litros de e em uma xícara de café está 140 litros de água. Um quilo de carne consome 15.500 litros, um quilo de queijo cinco mil litros. E em algumas empresas o assunto é ainda muito pior: indústria de carros.

E esta folha de papel consumiu 10 litros de água.

Se o assunto é solução da Crise de Água, o melhor modelo é o do Paulista de Valinhos que inventou uma máquina que retira a água do ar. A máquina menor custa R$3.500,00 e libera 30 litros de água por dia.

Fala-se muito hoje em dia em outorga, mas o que é isso?

A outorga de direito de uso da água representa um instrumento, através do qual o Poder Público autoriza, concede ou ainda permite ao usuário fazer o uso deste bem público.

Acontece que o usuário na maioria das vezes não paga nada ou paga uma ninharia.

Temos 36 bacias hidrográficas no Estado de Minas, éramos a Caixa D’água do Brasil. Das duas uma: a bacia ou a caixa está furada.

A Crise da Água é bom reforçar que 70% do consumo estão com os Agronegócios, 20% com as Indústriase 10% com o Povão. E o controle começa de baixo para cima.

Falhas que levaram ao problema
I – Falta de gestão inteligente dos recursos hídricos; 
II – Programação deveria ter começado há dez anos; 
III – Degradação dos rios e córregos; 
IV – Falta tratamento esgotos; 
IV – Sem controle no uso de águas subterrâneas e sem cobrança; 
V – Desmatamento causado por grandes empreendimentos.

O que precisa fazer urgente: 
I – Sistemas de Irrigação sustentáveis, pago; 
II – Investir em gestão das águas; 
III – Recuperação de nascentes e revitalização de córregos e rios; 
IV – Revisar o sistema de outorgas, com maior rigor na autorização; 
V – Transparências nas ações políticas ambientais.

O Governo não pode combater apenas os vazamentos e “gatos” dos pobres, deve fiscalizar as outorgas e as “onças” das mansões, “proibir desvio de cursos d’água e intervenções em áreas de preservação.”

Obra parada: A transposição do Rio São Francisco, que já consumiu bilhões é um caso perdido.

Governo de Minas pede R$1 bilhão para obras sobre as nossas águas.

São Paulo quer retirar água do Rio Paraíba do Sul para socorrer o Sistema Cantareira e pode prejudicar o Estado do Rio de Janeiro.

Guerra da Água já começou!

Manoel Amaral

NOVOS CÍRCULOS APARECEM EM IPUAÇU/SC

Imagem Google, hoje, 02/011/13, Ipuaçu/SC
Incidente em Rosvolândia

Em 2008, Osvandir juntou o material, barraca de camping, lanterna, máquina digital, binóculo, dez metros de corda, outros bagulhos menores e cartões de crédito; pegou o carro e sumiu na estrada. Destino: Riolândia, São Paulo.

Assim que chegou a cidade foi logo a banca de jornal e comprou um regional O Jornal “BOM DIA” de S. J. Rio Preto, com a seguinte manchete:

Riolândia atrai curiosos para ver rastros de ‘E.T.’
Canavial se torna atração na região e arrasta dezenas de
moradores de cidades vizinhas para ver o ‘fenômeno’

Cidade pequena, cerca de 8.500 habitantes, norte Estado de São Paulo. Prefeito assustado com repentino aumento da população no município. Câmara Municipal preocupada com repercussão do fato na mídia internacional.

Tudo aconteceu num terreno de uma pousada turística. Osvandir hospedou-se na cidade, num pequeno hotel.

Uns acreditam que ali tenha pousado um Disco Voador de grandes proporções, deixando aquelas marcas.

A única testemunha, disse que já repetiu a mesma história mais de 50 vezes para pessoas curiosas, ufólogos e autoridades.

Alguns moradores do lugar também informaram que na mesma noite ouviram barulhos e os cães latirem, depois tudo caiu num silêncio profundo.

Os céticos afirmam que tudo não passa de uma armação para atrair turistas para o local. Os crédulos acreditam mesmo que uma nave espacial de grandes proporções pousara naquele local.

Depois de muitas medições, conferindo também a radiação, Osvandir chegou a conclusão que tudo aquilo não passaria uma manifestação da natureza.

Osvandir aproveitou o público: jornalistas, ufólogos e outros visitantes, para fazer um grande círculo no meio do canavial, a título de ilustração.

Pegou a corda de dez metros que levou, pediu uma marreta, um pau para estaca e foi para o meio do canavial. Plantou a estaca num determinado local, passou uma argola de metal sobre ela e amarrou a corda naquele aro. Convidou duas pessoas para ajudá-lo. Uma ficou no centro controlando a descida da corda, Osvandir e outro ficaram na ponta. Esticaram a corda até o fim dos seus dez metros. Foram andando, fazendo o círculo devagarzinho, primeiro passaram a corda nas canas, mais ou menos um metro de altura, depois baixaram para meio metro e finalmente o mais rente possível do chão.

O que se viu depois de pronto foi um perfeito círculo, com 20 metros de diâmetro! Todo mundo ficou sabendo direitinho como poderiam fazer círculos em canaviais, arrozais, trigais e outros ais.

Mas o que se viu em Riolândia não chegava nem perto daquilo. Apenas umas canas rebaixadas talvez por um forte vento. A tal tesoura de vento que eles falam no interior. É o que a maioria acredita. Só foi visto porque está muito próximo da estrada da Pousada e do rio.

Alguns turistas que chegaram depois adoraram o círculo do Osvandir. Acreditaram mesmo que aquilo seria de ETs.

É assim que se produzem os fatos, aquela mentira vai se tornando realidade devido a pouca informação e muita ignorância. Já tem gente levando até santo pra lá. Estão fazendo romaria…

Acredita-se que tenha interesse financeiro no fato. Alguns hotéis e pousadas já estão cobrando mais caro e todos estão lotadas a semana inteira. Tem serviço de Táxi que leva o pessoal até o local.

João,  nosso amigo de Minas, articulista, descobriu que Riolândia já consta até da Wikipédia, a grande enciclopédia digital: “Poucos dias depois do ocorrido, já podemos encontrar citações do caso de Riolândia nas principais mídias do ramo ufológico, em blogs, comunidades, fóruns, sites nacionais e internacionais”. Tudo feito às pressas, alguns links acabam dando em Portugal.

Mas Osvandir, de tanto conferir as medidas, acabou desistindo e foi ver se conseguia dormir, para a partida no dia seguinte. Não conseguiu, teve que dar entrevistas para os canais de TV e jornais. Muita chateação, falação e repórteres escalados para a matéria que nada entendiam do assunto com perguntas impróprias. Algumas até engraçadas, porque não dizer hilárias.

Cansado de tanta besteira Osvandir resolveu voltar para casa. Arrumou tudo, foi pagar as despesas na portaria do hotel e ficou surpreso: não devia nada. O proprietário disse que não ia cobrar nada porque de certa maneira ele havia contribuído com o esclarecimento dos fatos. Não entendeu nada, ficou até curioso com o assunto.

Na manhã seguinte leu a seguinte manchete no Jornal da região de Riolândia:

“NOVO CÍRCULO APARECE EM CANAVIAL DE RIOLÂNDIA”

No subtítulo a matéria dizia que o novo círculo aparecera na noite anterior e tinha aproximadamente 20 metros de diâmetro.

Manoel Amaral

www.casadosmunicipios.com.br

Untitled

OUTUBRO SE FOI
Imagem Google

“O imposto é imposto.”
(Osamir primo do Osvandir)
Outubro está no fim, o último dia é das bruxas. A maior bruxa deste mês foi a aprovação do valor para IPTU de São Paulo. Todo pobre vai ter que arranjar outro lugar para morar.

Já não bastassem tantas contas, prestações, mensalidades, anuidades e esse IPTU, que alguns casos vai atingir um percentual absurdo.

Para aprovação houve muita negociação de cargos, facilidades no governo, empréstimos, maracutaia, e todo tipo de tramoia utilizado nestas horas. O voto favorável virou uma moeda de troca-troca.

Partidos emendados, vendidos, comprados, negociados, surrupiados, tudo na maior cara de pau e o povo só pode observar.

Houve sopapos, chutes, gritaria e briga dos Edis, ilustres moradores daquela Casa.

A primeira votação se deu na semana passada e a segunda ontem bem no fim do expediente.

A única coisa boa anunciada foi aumentar os descontos para aposentados.
A antecipação desta votação soou como um golpe, já afirmara Amato, Presidente da Associação Comercial de São Paulo.

Os reajustes terão repercussão negativa nos eleitores e em 2014 teremos eleição.
Além dos inúmeros malefícios, 13% dos comerciantes pretendem mudar de endereço comercial para outra cidade onde o IPTU seja mais barato, 9% pretendem reduzir o número de empregados. Isso representa 119 mil postos de trabalho perdidos, segundo o SEBRAE.

Um enorme buraco na vida de cada um. Os aluguéis vão aumentar, o preços dos imóveis idem. Só a prefeitura vai lucrar.

O cidadão vai sentir-se humilhado, amassado, imprensado, sem ter para onde ir ou em que buraco cair. Será empurrado cada vez mais para o interior.

Não bastasse tanto assalto, roubo, morte, assassinato e toda uma enorme lista de coisas ruins, nesta São Paulo vai se tornando cada vez mais difícil de sobreviver.

Cada um que nascer a partir de hoje já vai ter uma dívida com a Prefeitura a partir do ano que vem.

Há dd admitir que a vida não está fácil.

E este Pré-Sal que não vem!

O nome correto deveria ser Pós-Sal.

Você acredita em Papai-Noel? Eu não!

Black Blocs para vocês!

Manoel Amaral

O FANTÁSTICO E O TERÇO

O FANTÁSTICO E O TERÇO

Imagem Google

O sino da igreja acabava de bater o dim, dom, dim, dom, dim e dom. Era hora do terço, agora com a modalidade “Terço dos Homens” e “Terço das Mulheres”.
Aqui onde moro ainda tem o “Terço dos Jovens” e o “Terço Misto”.

Acabei de rezar o terço (06h00min), em minha casa mesmo, pela TV, Canção Nova.

Mas o Fantástico achou que isso era uma grande novidade e foi para Dois Córregos, cidadezinha do interior paulista, onde mora o meu amigos Márcio Mendes, para acompanhar exatamente o “Terço dos Homens” e ainda mostrou o “Terço das Mulheres”.

Aqui no meu bairro, bem próximo de minha casa ainda tem o “Terço da D. Divina”, onde comparece mais gente, de ambos os sexos, do que em muitas igrejas da cidade. Acho que isso seria Fantástico.

Mas Fantástico é assim mesmo, transforma um assunto trivial numa grande reportagem. E todos batem palmas.

“O Santo Rosário é uma prática religiosa de devoção mariana muito difundida entre os católicos romanos, que o rezam tanto pública quanto individualmente. Consiste na recitação seriada de orações com o auxílio de uma corrente com contas ou nós, que recebe o mesmo nome. O rosário também compreende a contemplação de determinadas passagens da vida de Jesus e de sua mãe Maria que, segundo a doutrina da Igreja Católica, são de especial relevância para a história da salvação e que recebem o nome de “mistérios”. (Wikipédia)

Deixei propositalmente os links para que os não-cristãos aprofundem no assunto, pesquisando na maior enciclopédia do mundo.

Alguém que quiser ver e ouvir o “Terço dos Homens” de Dois Córregos/SP, aí vai o vídeo da emissora Globo.
Manoel Amaral

Imagem Google